Anúncios

Celebrações do ano novo chinês em Hong Kong

Começamos dia 22 de janeiro o ano do dragão preto (supostamente mau para todos os signos, mas como este é o ano do fim do mundo, imagino que esse seja apenas mais uma prova de que tudo acaba dia 21 de dezembro, hahaha). Tive a felicidade de estar na China bem nas celebrações do ano novo, que geralmente duram 15 dias!*

image

Como o calendário chinês é lunar e as estações do ano seguem um ciclo solar, ficam sobrando uns dias de festa que são chamados de ano novo chinês. Pra ilustrar isso, vou contar a resposta que a aeromoça da Cathay me deu quando perguntei quando era o ano novo chinês: “agora”. O ano novo não é uma mudança de data, mas um período. Por isso cada um dos dias tem coisas específicas a serem feitas, mas tudo faz parte desse período que é o ano novo. Enfim… Também por causa do calendário lunar, o ano novo chinês não acontece sempre na mesma época no calendário solar, que é o nosso. É tipo o carnaval e a páscoa (que obedecem o calendário lunar judeu).

O que eu vi no ano novo

Véspera

Alguns dias antes do começo do novo ano, os chineses vão aos templos dos seus deuses favoritos para pedir bênçãos e desejos para o ano que irá se iniciar. Fui ao templo de Man No (Man é o deus da guerra e Mo o da literatura) no dia 21, véspera de ano novo.

image

Esse templo é muito procurado por estudantes que estão nos últimos anos de estudos, que estão participando da “guerra literária”, rs. Era 23h quando cheguei lá e o templo ficava mais cheio a cada minuto!

image

Muitos compravam incenso das banquinhas do pátio interno do templo, mesmo lá dentro tendo um monte grátis. Deve ser pra agradar mais os deuses.. Eles também trazem frutas e flores como oferendas e queimam uns papeizinhos de desejos em seu ritual de passagem de ano.

O que mais me impressionou: as imensas espirais de incenso acesas dentro do templo. É tanta coisa queimando que arde os olhos! Mas são bonitas as danadas.

image

Virada de ano

Na noite do primeiro dia de ano novo, o pessoal da companhia aérea Cathay Pacific organizou uma parada de ano novo nas ruas da região de Tsim Sha Tsui, na baía de Kowloon.

image

Não tava muito cheia, mas também não tava muito legal. Carros alegóricos pequenos, pouco ritmo entre os diferentes grupos que desfilavam, muita coisa meio boba. Me senti na apresentação da escolinha de dança da irmã pequena e alguém que não conheço. Talvez seja legal pra quem conhece as pessoas na parada…

O ponto alto: dragões! Eles são muito divertidos!

image

Segundo dia

No segundo dia de ano novo, fui ver os fogos de artifício na baía de kowloon/hong kong (no canal que separa a ilha de Hong Kong da parte continental, onde está o bairro de Kowloon). Muito bonito! detalhe que os fogos estavam sincronizados com uma trilha sonora, que soava por toda a baía.

image

Antes disso, durante o dia, tive a sorte de ver um grupo fazendo dragon dance em restaurantes de Kowloon. Não era uma coisa turística, é parte da tradução chinesa fazer essa dança para proteger o restaurante dos maus espíritos. Lindo!! Foi a minha parte preferida do ano novo.

image

Eram dois dragões, manipulados por duas pessoas cada. Um ficava fazendo mais acrobacias em terra e o outro subia num poste e bambu e dançava lá em cima (nessa parte específica, só um acrobata subia o poste).

image

Fiz um vídeo da dança inteira, pois acompanhei a dragon dance em dois restaurantes, mas ele tem dois giga e não consegui postar.. Quem sabe mais tarde eu consigo?

image

Outras celebrações

Também fui a um templo das árvores dos desejos, no bairro afastado de New Territories.

image

Essas árvores antes ficavam abarrotadas de laranjas e tangerinas com papéis de desejos amarrados, mas depois que os galhos da árvore mais velha quebraram, o governo proibiu e agora se faz os desejos com laranjas de plástico em uma réplica de plástico da árvore, hahaha

image árvore de plástico

image árvore real

Não fiquei em Hong Kong para o fim do ano novo, no dia 7 (primeira luta cheia do ano), mas deve ter alguma coisa especial nessa data também..

Ufa. Post longo! Espero que tenham gostado!

*Vale lembrar que a China é um país GRANDE e que Hong Kong é diferente da China continental por
ser um território que ficou sob a dominação dois ingleses por mais de 100 anos, então pode ser que o que eu vivi aqui não acontece assim no país todo. Vale lembrar também que deve ter acontecido muito mais coisa que eu não vi/não entendi, hahaha.

Anúncios
Comments
2 Responses to “Celebrações do ano novo chinês em Hong Kong”
  1. Paula disse:

    Yeeey!!! Deve ter sido bem legal participar de tudo isso. Todo uma cultura tão diferente da nossa 🙂

  2. Cláu disse:

    Amei absurdamente! Dragões coloridos no meio da rua: COMO não amar??!
    E a árvore de plástico, gente. Ai ❤

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: